Diário de gravidez: Semanas 14 a 18

Entrei no segundo trimestre da gravidez. Que maravilha que foi!

Adeus enjoos e indisposição, chega de tomar Meclin todo dia para não colocar para fora a comida do almoço, chega de odiar todos os tipos de queijo (ainda não conversamos bem, mas já os tolero se estão na mesa).

O sono ainda me persistiu, mas pelo menos não fico caindo de sono pelos cantos. Bastante sono, mas com um pouco de controle.

Azia não se foi completamente e não dá para comer porcarias que ela aparece, preciso aprender a me controlar e comer mais saudável.

A barriga vai ficando cada vez maior (isso quando ela não dá uns “saltos” e do nada você acorda se sentindo gigante), o bom dessa fase é que todo mundo percebe que você está grávida, não importa qual roupa você use.

Falando em roupas tive que comprar uma calça jeans de gestante. Eu não sou fã de calças e uso pouco, mas tem dia que esse tempo maluco de São Paulo faz um pouco de frio e não há meia calça que me sirva com a pança, portanto tive que comprar uma calça de gestante para quebrar o galho quando a temperatura resolve cair um pouco.

Fiz o ultrassom morfológico com 12 semanas e a médica do exame nem quis tentar chutar o sexo do bebê. Não é 100% confiável, mas é possível, não custava nada ela ter dado um palpite né. Eu não iria sair comprando enxoval (quem compra enxoval com 3 meses de gravidez????), mas queria um palpite para ir imaginando e pensando em um nome.

Não aconteceu e isso ficou para o ultrassom com 17 semanas. Então basicamente com o fim dos enjoos e a ansiedade para saber o sexo do bebe eu engordei 2,5kg em um mês. Queria me beliscar de raiva de mim por ter comido demais. Levei uma bronca até simpática da obstetra e minha consciência ficou pesada.

Agora que sei que é menino comecei as compras e o guarda-roupas do bebê está cada vez maior.  Confesso inclusive que quero sair para comprar coisas todos os dias! haha

E para finalizar uma foto da pança com 18 semanas.

18 semanas